dia mundial sem carro

24 09 2009

Gostaria de compartilhar meu primeiro encontro oficial com a bicicletada bem no Dia Mundial Sem Carro (22/set).

Uau, fazia muito tempo que não andava de bicicleta e quase atropelei umas senhorinhas pela calçada quando saí de casa, bem no meio da maior garoa (eita São Paulo!). Deu até medinho de dar merda… Mas fui, arfando loucamente, mas fui.

Como não conheço bem meu novo bairro, fiz o caminho que o busão faz… ou seja, subi algumas boas ladeiras… Depois de dar uma de Jaiminho algumas vezes, fiquei feliz em chegar na Heitor Penteado. Alcancei a Cerro Corá, uhu, cheguei!

Cheguei super disposta no trabalho e ansiosa para voltar a pedalar.

Fui encontrar a galerinha da Editora Mol, que eu acabei conhecendo no dia e os curti, e pronto… inicia a rota até a Praça dos Ciclistas (bem ali no fim da Paulista com a Consolação)… Pedala Rua dos Pinheiros, atravessa Rebouças, sobe a Bela Cintra… Quando cheguei já havia bicicletinhas aos montes, lindo…

Pedalamos por umas 2hs e foram quase 16km (segundo o Igor). Fechamos uma via da Paulista sentido Brigadeiro, e vai cantandinho, conversando… passa o metrô Vergueiro, a Liberdade, cai na Sé, anda pelo belíssimo centro de São Paulo a noite, passa República e sobe a Augusta até a praça novamente…

Foi lindo, revi pessoas queridas, achei todos queridos… vi com o maior romantismo. Me senti quando era menor e eu e uma molecada pedalávamos pelas ruas da Diadema… aquele ânimo infantil!

Fora as dores ‘nádegais’, tudo beleza… Depois, tudo o que eu queria era comer, porque passava das 22h30…

Não me deixaram encarar a Dr. Arnaldo sozinha, e fomos de comboio… existe uma super preocupação dos mais experientes, adorável…

Descer a Cardeal  é pura delícia! Queria descer todos os dias sem ter que ter medo!

Dormi tarde, acordei animada… E para uma sedentária confessa mas não orgulhosa, não senti dor alguma no dia seguinte fora AS NÁDEGAS… Ai nadeguinhas, essas foram as únicas que sofreram… Mas já passou! :D

Quero mais. Mais bicicletas, menos trânsito, menos desrespeito dos motoristas malucões, mais centro de São Paulo a noite sem medo, mais Cardeal Arcoverde sem freios… :)

Bicicletada aí vou eu!

Obrigada a Jeanne quem me chamou para acompanhar, a Paula por emprestar a bicicleta, para os 2 guris que nos acompanharam do Mol até a Paulista dando muitas dicas e segurança e ao Igor pela companhia de trajeto :)

Sketch de proposta para cartaz com o tema “Seja você a mudança que quer no mundo“.

Anúncios

Ações

Information

17 responses

24 09 2009
ariel

convertida instantanea! vou mandar pra lista :) bjs

24 09 2009
Marcita

ahaha, super poi zé :D
smacks! :*

25 09 2009
Jeanne

Aeeeeee! Que beleza! :)

Marcita, já está escalada para a próxima bicicletada, que é… hoje, sexta-feira! Vai sair uma turminha do Mol de novo, e depois vai ter baladinha na praça! Animas? Hem? Hem? Vamos ver se a Paula pode ir, já?

Besitos!

25 09 2009
Luciano

Adorei o relato e os desenhos ;)
Parabéns, bem-vinda ao mundo das bikes.. não desista!

25 09 2009
Marcita

êh luciano, que legal que gostou e podexá, sempre gostei de bicicleta, só faltava companhia :D

25 09 2009
Laércio

Vim da lista :D

Hoje tem de novo! Bicicletada!

Seja bem vinda.

25 09 2009
Marcita

Quero ir sim :)
Yupi!

25 09 2009
paulo

uma dica: compra uma bermuda (ou calça) que tem aquela proteção fofinha. vai te ajudar bastante nessa parte das nádegas :)

25 09 2009
Marcita

hahaha – meu deus, mas eu vou parecer aquelas senhorinhas que usam bundinha artificial?!

25 09 2009
paulo

não não, a almofadinha não é atrás, é embaixo, só na parte que senta no selim mesmo

25 09 2009
Marcita

ahhh… legal. Mas como não vi, a minha imaginação vai além! hehe
e segundo a Paula, as polpas se acostumam… deve ser como os dedos quando você começa a tocar e doem no começo… sei lá! :)
Mas valeu a dica Paulo e Paula!

25 09 2009
paula davies

as nadigas acostumam com o tempo!!! =PP

a bici tá as ordens! =P

25 09 2009
Laércio

Cria calo, rs!

15 10 2009
Raphael

alo ! acabei de ler seu post =)
eu e lizi tbem saimos de bici no dia 22, mas nao aguentamos acompanhar a turma da bicicletada porque precisavamos jantar desesperadamente hehehe
depois disso, a cidade e seu clima terrivel colaboraram com a preguica, nao sai mais nenhum dia de bici. =/
bjo !

15 10 2009
Marcita

aim rapha, sabe que depois desse dia eu tb não andei mais de bicicleta? triste, porque eu gosto tanto… mas me mudei e não tenho uma aqui comigo…
mas aguentei mesmo com fome os kms todos :)
saudade de vcs 2!

7 11 2009
Carlos Aranha

Lendo você, relembro tudo que senti há exatamente um ano (vale dizer: não parei mais). Seja muito bem-vinda!!! :-)

8 11 2009
Marcita

gostoso saber disso, que mais pessoas experimentem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: