Feliz 2011

7 01 2011

(eu, Vivi e João Brant preparando a ceia de ano novo entre a cachoeira e a fogueira)

Virada de ano mais uma vez bem escondida no mato, longe de internet, sem celular, trilhando até cachoeiras que os próprios moradores da pequena cidade Delfinópolis, Minas Gerais, não conhecem. Longe de fogos de artíficio e música alta… Ficamos em 6: Vivi, Paulo, Chita, João, nosso querido guia tagarela Jézo (sim, este é o nome dele mesmo), ao som da cachoeira, dos estalos da fogueira e de nossas risadas.

Vamos que vamos que depois das férias é sempre difícil pegar no tranco, mas trabalhar é preciso.

E navegar também.

Até a próxima navegação.

 

Anúncios